União Ciclística anuncia pena de quatro anos para brasileiro que esteve na Rio 2016

Kleber Ramos, que não completou a prova de ciclismo estrada nos Jogos Olímpicos, foi pego com estimulante em 2016, e terá que ficar quatro anos sem competir


O ciclista brasileiro Kleber Ramos, de 31 anos, teve sua pena anunciada na segunda-feira. Pego no exame antidoping no dia 31 de julho de 2016, o paraibano estava suspenso preventivamente e, em comunicado oficial, a União Ciclística Internacional (UCI) anunciou que o ciclista ficará quatro anos sem competir. 

Conhecido como Bozó, o atleta foi testado de surpresa na semana que antecedeu os Jogos Olímpicos do Rio, e foi pego com CERA. A princípio, é um medicamento voltado para pacientes com deficiência renal. Mas, nos últimos anos, caiu na mira de atletas pelo potencial de aumentar a capacidade de resistência.

Sua pena começa a valer a partir do dia que foi pego no exame, em julho de 2016, por isso, só poderá a competir em julho de 2020. Portanto, não poderá participar dos Jogos de Tóquio, já que precisaria disputar os torneios pré-olímpicos que se estendem por 2019 e no primeiro semestre de 2020.


Fonte: Globo Esporte




Deixe um comentário



Comentários




Embraer

vagas

UBS

Saída médicos

Policia

Assalto

Policia

Roubo de caminhonete