Cidade das Cores expõe trabalhos na Casa da Cultura

Mostra pode ser visitada pelo público até o próximo dia 11

Grafite - Júlio Ribeiro e representantes da ComTexto Cultural - _ Paineis Cidades das Cortes_ podem ser visitados na Casa da Cultura

A Casa da Cultura ‘Prefeito Armando Bambozzi’ sedia a exposição do Projeto ‘Cidade das Cores’, que reúne cerca de 70 trabalhos (telas e estêncil) dos alunos das oficinas de grafite ministradas pelo artista Jota Aracê. As obras ficam expostas até o próximo dia 11 e podem ser visitadas de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas. A mostra é o resultado de um projeto desenvolvido pela ComTexto Cultural (Araraquara) em parceria com a Brasilux Tintas e Prefeitura de Matão, por meio do Departamento de Cultura, Proac e incentivo do Ministério da Cultura.

Denominada ‘Cidade das Cores’, a proposta trabalhou o desenho livre, a criatividade e apresentou a arte como uma ferramenta de expressão e comunicação, acesso à cultura, troca de experiências, bem como de manifestação livre das ideias. Durante o mês de abril, os participantes receberam aulas teóricas e práticas que resultaram nas respectivas telas e, posteriormente, no grafite pintado no muro da escola Etec. O resultado contempla uma nova linguagem da arte urbana.

Para Mirela Jabur, responsável pela área de marketing da Brasilux, a ação foi muito positiva e o resultado final pode ser considerado um presente para Matão. “Estamos felizes e, sobretudo, realizados pela iniciativa de estimular os adolescentes a expressar seus sentimentos por meio da arte”, afirma. Julio Ribeiro, diretor do Departamento de Cultura, reitera que os jovens se identificaram com o artista e que, durante o projeto, a Casa da Cultura recebeu pessoas de vários bairros.

“Essa iniciativa foi muito pertinente, pois está em consonância com o Programa de Descentralização da Cultura desenvolvido pelo prefeito Edinardo Esquetini, cujo objetivo é levar as manifestações artísticas e culturais para todos. Desta forma, os participantes deste projeto serão agentes de difusão cultural. Só temos que agradecer por essa atividade de integração social e cultural, além de parabenizar o trabalho de todos os envolvidos”, finaliza Julio.


Fonte: A.I.P.


  • Compartilhe com os amigos:


Deixe um comentário



Comentários